Dicas

Já sabe o que é uma empresa júnior? Aprenda agora!

o que é uma empresa júnior

Embora muitas pessoas já tenham ouvido falar, poucas delas sabem do que realmente se trata uma empresa júnior. O conceito surgiu na França e chegou ao Brasil no fim dos anos 80. Atualmente, o país já conta com milhares empresas juniores.

Logo, hoje já é uma realidade de muitas universidades brasileiras que apresentam esse diferencial para a formação profissional de seus alunos. Então, para entender melhor a respeito delas, não deixe de ler o post a seguir que traz as principais questões sobre o tema.

O que é uma empresa júnior?

A ideia da empresa júnior é ser uma organização sem fins lucrativos, formada por universitários e supervisionada por seus professores. Como objetivo, ela deve desenvolver projetos para outras pessoas ou empresas, de forma a pôr em prática os conceitos estudados.

As universidades têm investido na criação dessas empresas como forma de agregar valor ao processo de aprendizado oferecido por elas e também ganhar destaque no mercado educacional.

Com o sucesso dos trabalhos desenvolvidos, a credibilidade da instituição fica em alta, o que dá um retorno positivo a sua imagem. Dessa forma, ela consegue gerar novos negócios e parcerias, além de atrair mais alunos.

Como elas funcionam?

Uma empresa júnior funciona como qualquer outra empresa, podendo oferecer uma diversidade de serviços para o mercado. Geralmente elas estão relacionados com os tipos de curso que ofertam. Ou seja, os serviços podem ser direcionados para a área de exatas, incluindo projetos de engenharia ou análises financeiras, por exemplo.

A diferença é que, como não possuem fins lucrativos, pagam menos impostos e podem ter um preço de mercado reduzido. Mas isso não significa que elas não podem cobrar pelos seus produtos, apenas que o seu rendimento deve ser investido nela mesma: seja para divulgar a marca, comprar os materiais necessários, pagar os custos mensais, etc.

Quem pode participar?

Qualquer aluno de uma instituição que tenha interesse em contribuir com a empresa júnior pode participar dela, como um estágio. Normalmente, há processos seletivos semestrais ou anuais, já que seria praticamente impossível abrir uma empresa para todos os estudantes.

Aliás, eles nem precisam fazer parte do mesmo curso. O interessante é mesclar alunos de áreas diferentes, para que cada um possa contribuir da sua maneira. E, assim a empresa júnior consegue entregar projetos cada vez mais completos — sempre com a orientação e aprovação de um professor responsável.

Como atuam no mercado?

Uma empresa júnior pode atuar no mercado de trabalho assim como qualquer outra, mas claro que dentro das suas possibilidades e restrições de entrega. Dentre os serviços mais comuns prestados por elas estão:

  • projetos de consultoria;
  • estratégias de marketing e gestão;
  • pesquisas de mercado;
  • protótipos de novos produtos;
  • gerenciamento de projetos, etc.

Por que um estudante deveria participar de uma empresa júnior?

É importante optar por uma universidade que conte com uma empresa júnior por diversos motivos. Primeiramente, é uma ótima oportunidade de já começar a pôr em prática os conhecimentos adquiridos no curso. Assim, é possível agregar valor ao currículo e preparar-se melhor para o mercado de trabalho.

Há ainda o fator do crescimento pessoal do aluno, ao lidar desde cedo com diversas responsabilidades, conviver com diferentes tipos de profissionais, enfrentar desafios complexos, etc. Tudo isso favorece a sua formação como pessoa e profissional.

Além disso, para os que desejam empreender, é uma boa alternativa para começar a entender o funcionamento de uma empresa. A experiência ajuda a desenvolver aspectos como ter uma melhor visão de administração, liderar equipes, lidar com clientes, fazer um planejamento financeiro e tomar decisões.

Inclusive, a empresa júnior é um local bastante propício para fazer contatos importantes. Tanto com fornecedores, investidores, empresários e até mesmo outros colegas que podem se tornar parceiros ou sócios — o famoso networking.

Enfim, trata-se de uma grande chance para ser aproveitada com dedicação, por todos que quiserem investir em capacitação e viver experiências enriquecedoras que a sala de aula pode não oferecer. E, assim, começar com o pé direito no mercado de trabalho.

E então, gostou de conhecer um pouco mais sobre uma empresa júnior? Siga as nossas redes sociais, como Facebook e Instagram, para ficar por dentro de outros assuntos e oportunidades incríveis!

2 Comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.